Câncer de Laringe, a doença do ex-Presidente Lula

Cancêr do Lula

O tumor de laringe é responsável por um quarto dos tipos de câncer que afetam a região de pescoço e cabeça, o tumor pode atingir a parte superior da laringe, local onde estão localizadas as cordas vocais, sendo este a maioria dos casos ocorridos e também a parte inferior abaixo das cordas vocais, chamado de laringe supraglótica.

Além do tabagismo, a ingestão de álcool excessiva também pode levar as pessoas a sofrerem com o câncer de laringe e se a ingestão for conjunta com o tabagismo o aparecimento da doença é ainda mais comum e se o paciente que for acometido pelo câncer de laringe continuar a ter estes vícios tem uma chance de cura bem diminuída.

As lesões que ocorrem na região das cordas vocais, região glótica ou subglótica têm como principais sintomas a rouquidão e a dor de garganta, o que pode indicar o início da doença.
Já quando a região afetada é a supraglótica os sintomas são dificuldade de engolir e ainda uma sensação constante na garganta como se fosse um caroço nesta parte da laringe.

O tratamento para o câncer de laringe, assim como todos os outros tipos, são a radioterapia, a quimioterapia e a cirurgia de retirada da lesão, que no caso de tumores da região glótica podem afetar a voz, pois se o câncer estiver em estágio avançado, pode ocorrer a retirada das cordas vocais ou de parte delas, comprometendo a fala do paciente, sendo que em alguns casos é necessário o uso de próteses fonatórias tráqueo-esofageanas.

Artigos Relacionados:

Faça seu comentário

Adicione seu comentário abaixo, ou trackback para seu site. Você também pode responder a estes comentários via RSS.

Seu email não será mostrado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Siga-me no Twitter @VivoBlogNet e fique por dentro das promoções e sorteios.