Novo Registrador Eletrônico de Ponto nas Empresas

Novo sistema de ponto

Novo Sistema de Ponto

O Registrador Eletrônico de Ponto tem o objetivo de tornar a impressão gráfica pelos relógios de ponto de todo o país, armazenando todos os dados em memória que seja testada e certificada para que os registros da movimentação dos trabalhadores como a entrada e saída ou intervalos de refeição e as horas extras sejam armazenadas digitalmente.

A partir do dia primeiro de setembro de 2011 tornou-se obrigatória a adoção do registro eletrônico pela empresas, mas em vários estados mais de cem mil empresas já adotaram o sistema visto que a medida provisória foi editada no ano de 2009 e depois de alguns adiamentos, finalmente ela será cobrada.

Algumas empresas rejeitam o projeto, pois alegam que o sistema não é eficiente e também pode somente aumentar os custos, mas a aprovação entre os funcionários é de mais de 70% deles, pois a relação trabalhista fica mais clara, oferecendo a sensação de mais segurança na relação empregadores e empregados.

Sistema REP

O sistema REP vem para que as fraudes cometidas pelas empresas sejam minimizadas, já que, com o ponto manual ou o mecânico podem ser alteradas as horas dos trabalhadores, levando à diminuição de salários e escondendo excessos de jornada de trabalho.

A recomendação é que o trabalhador guarde os tickets de registro de suas entradas e saídas pelo menos durante os trinta dias do mês corrente, até o recebimento da folha de pagamento com os valores corretos de horas extras e das horas normais, quando então o trabalhador já poderá se desfazer dos comprovantes.

Artigos Relacionados:

Faça seu comentário

Adicione seu comentário abaixo, ou trackback para seu site. Você também pode responder a estes comentários via RSS.

Seu email não será mostrado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Siga-me no Twitter @VivoBlogNet e fique por dentro das promoções e sorteios.